Violino

Dica rápida: como limpar o interior do violino

Posted on

Boa noite pessoal!

Estava aqui limpando o meu violino e percebi que ele estava um pouco sujo por dentro, pois havia um bom tempo que eu não fazia a limpeza do interior do meu instrumento.

Foi então que me ocorreu, que muitas pessoas provavelmente ficam em dúvida sobre como limpar a caixa acústica do violino, já que as únicas brechas que existem são os estreitos “ff”. Por isso decidi compartilhar com vocês essa técnica que aprendi com um músico muito experiente há alguns anos atrás e que usa basicamente arroz. Isso mesmo, arroz!

Bom, a princípio pode parecer estranho, mas a técnica é muito eficiente. Consiste apenas em colocar um pouco de arroz (cru) dentro do violino e chacoalhar durante alguns minutos, até que os grãos de arroz possam retirar toda a sujeira que esteja grudada na parte interna do violino.

Assim que retirar o arroz novamente, vai notar a sujeira que estava lá dentro. Mas tome cuidado para não deixar nenhum grãozinho lá dentro, ou terá uma incomoda vibração toda vez que tocar seu instrumento.

Bom pessoal, esse é o método que eu uso para limpar o interior do meu instrumento. Se você conhece alguma maneira diferente ou mais eficiente de executar a limpeza, compartilhe com a gente nos comentários.

Abraços e até mais!

Vídeo aula de vibrato

Posted on Updated on

Olá leitores!

Qual o novo estudante de violino que nunca tentou fazer o vibrato, aquela famosa tremida de mão, não é? As vezes a pessoa não tem a noção correta de como funciona a técnica e tenta desesperadamente chacoalhar a mão sem controle nenhum no instrumento, o que só piora tudo.

Pois bem, dando uma pesquisada no YouTube achei um vídeo aula da Erica Humber, uma professora de violino da escola Minueto, em que ela explica muito detalhadamente e de uma forma bem simples a forma correta de fazer o vibrato e acho que vale a pena você que está tentando há muito tempo executar o vibrato sem sucesso, assistir com atenção ao vídeo.

Lembre se bem: o vibrato como qualquer técnica do violino requer muita prática e esforço da parte do estudante. Então assistir ao vídeo não significa que você já vai aprender a tocar notas com vibrato, mas se você unir as dicas com muito trabalho duro, quando menos esperar já vai estar sabendo executar a técnica.

Existem três maneiras de fazer o vibrato, são elas: vibrato de dedo, de mão e de braço. Neste vídeo será ensinado o básico, o vibrato de dedo, porém é esse é o caminho para aprender os demais. Então quando já estiver dominando bem a técnica com o dedo, busque mais informações a respeito das outras formas.

Quero deixar claro que não tenho nenhum vínculo com a profissional e que também não conheço o trabalho dela. Porém me identifiquei com a forma que ela ensina, sempre procuro ensinar da mesma maneira.

Então vamos lá, pratique, pratique e pratique!

Abraço!

Curiosidade: David Garrett quebrou um violino de 1 milhão de libras

Posted on Updated on

Olá caros leitores!

Como todos os que seguem o meu blog sabem, eu gosto de postar curiosidades sobre o mundo do violino e recentemente descobri uma daquelas, que me deixou de boca aberta, sobre o violinista e compositor alemão David Garrett.

David Garrett é com certeza um dos melhores violinistas contemporâneos. Garrett é um “showman” suas apresentações são sempre superproduções assistidas por centenas e até milhares de pessoas.

Sua trajetória no mundo da música começou muito cedo. Aos quatro anos seu pai comprou um violino para o seu irmão, ele se interessou pelo instrumento e logo aprendeu a tocar. Atualmente Garrett tem 18 álbuns e 4 DVDs, além de participações em filmes famosos como “O poderoso chefão” e diversos vídeos no YouTube que lhe rendem milhões de visualizações.

O acidente

O episódio que mais chama atenção na carreira de Garrett é sem dúvidas o acidente com o seu violino, um modelo fabricado por Giovanni Battista Guadagnini avaliado em 1 milhão de libras.

Garrett havia adquirido o instrumento em 2003, devido ao alto valor do instrumento ele precisou recorrer a um empréstimo para pagá-lo. Justamente no ano de 2007 Garrett quitou as prestações do seu violino, mas o que deveria ser um motivo de comemoração acabou virando um terrível pesadelo.

Em dezembro de 2007, em um dia muito chuvoso, Garrett estava se apresentando no Barbican Hall, em Londres. David usava sapatos de sola lisa e na saída do local escorregou, caindo de costas em cima do estojo em que transportava o seu instrumento.

O resultado do acidente não poderia ser pior. Devido o estojo não ser muito resistente (por opção do músico, que queria um meio de transporte mais leve) o corpo do violino ficou inteiramente destruído.

/home/wpcom/public_html/wp-content/blogs.dir/746/52185775/files/2015/01/img_9722.jpg
“Foi como perder um amigo querido” disse Garrett sobre o acidente.
A reparação do violino demorou sete meses e custou aproximadamente cerca de 100 mil dólares. E o mais incrível nessa história toda é que o instrumento continuou com a mesma qualidade sonora, (mas isso é assunto para um próximo post).

Atualmente Garrett possui um modelo Stradivarius, com o qual faz a maior parte das suas apresentações. Mas de vez em quando ainda toca no seu Giovanni Battista Guadagnini.

Eu acho que depois desse acidente Garrett aprendeu uma boa lição e só usa estojos bem resistentes.

Novos posts

Posted on

Olá à todos!

Percebi que meu blog vem recebendo muitas visitas recentemente mesmo sem eu postar nada há um bom tempo e estou muito feliz por isso. 2014 foi um ano corrido e realmente não tive tempo de escrever nada, mas esse ano prometo que estarei sempre dando dicas por aqui e também postando novidades do mundo da música e principalmente do mundo do mais fantástico dos instrumentos, nosso querido violino. Abraços à todos e até breve!

DICA: Diapasões para smartphones

Posted on

Afinar o violino é uma tarefa bem árdua quando se está no início dos estudos não é? Afinal, a afinação é algo que requer muita atenção e treino dos ouvidos. Mas que tal utilizar a tecnologia a nosso favor?

Os aplicativos para smartphones (apps) estão facilitando cada dia mais as nossas vidas e virou costume baixar quase que diariamente um app em nosso celular. As funcionalidades variam muito, desde um joguinho, até um aplicativo de transações bancárias.

E como a música caminha sempre lado a lado com a tecnologia, já existem vários apps para facilitar a vida do músico, como por exemplo: os diapasões e os metrônomos.

Hoje vou indicar para vocês dois diapasões, sendo um para android e outro para iOS. Note que para instalá-los, você precisa possuir um smartphone com um desses dois sistemas operacionais.

Escolhi dois aplicativos de utilização e gráficos bem simples, pois a minha intuição não é indicar um programa com opções avançadas de afinação, mas sim um aplicativo que reproduza de forma fácil a altura correta que as respectivas cordas do seu violino deve ter, auxiliando assim aqueles que ainda estão no inicio dos estudos ou que encontram alguma dificuldade em afinar o violino.

Maestro Violin Tuner – Para Iphone/Ipod Touch

Captura de Tela do iphone
Captura de Tela do iphone

O “Maestro Violin Tuner” como vocês podem ver é bem simples de usar e reproduz de forma pura os sons das das 4 cordas do violino: GDAE.
O seu preço na AppStore é de USD 0,99 e você pode baixá-lo AQUI.

Violin Tuner – Para android

Captura de tela do aplicativo
Captura de tela do aplicativo

O “Violin Tuner” também é bem simples de se usar, aperte os botões referente às respectivas cordas e obtenha o som correto de cada uma. Você pode fazer o download AQUI.

Além de ser um diapasão digital, que não ocupa espaço e nem corre o risco de desafinar com o tempo, os apps saem bem mais em conta, já que um diapasão tradicional de sopro pode chegar a custar R$20,00 e outros eletrônicos até R$ 80,00.

Mas lembre-se, essa dica é apenas para auxiliar no seu estudo. Não se torne refém do diapasão, procure sempre treinar o seu ouvido. Em breve postarei aqui uma dica para te auxiliar na afinação por ouvido.

Duo Fuse lança violinos de US$ 2 milhões

Posted on

A dupla britânica de violinistas Fuse, lançou nesta quarta – feira (4) em Londres, dois violinos elétricos avaliados em US$ 2 milhões cada.

Ben Lee e Linzi Stoppard, apresentaram os instrumentos banhados em ouro 24 quilates e cravejado com rubis e diamantes na boutique de Theo Fennel.

Ben e Linzi desenharam os instrumentos em parceria com Theo Fennel, um designer britânico de jóias e a fábrica Bridge produziu os violinos.

Não há duvidas de que os instrumentos são lindos, mas será que o som compensa o preço?

20130904-232432.jpg

Violino de 1,4 milhões é recuperado após 3 anos do furto

Posted on Updated on

O instrumento é um stradivarius datado de 1969 e está avaliado em 1,4 milhões de euros. Juntamente com o instrumento foram roubados mais dois arcos no valor de 78 mil euros.

O furto ocorreu no ano de 2010, quando a violinista e proprietária Min-Jin Kym estava num espaço de restauração localizado na estação de Euston, na capital britânica.

Segundo o inspetor da polícia Simon Taylor, a raridade e a especificidade do instrumento dificultou qualquer tipo de troca comercial, o que obrigou os bandidos a escondê-lo, após algumas tentativas frustadas de vendê-lo.

Três anos depois, o violino foi encontrado dentro da sua case numa propriedade localizada no centro da Inglaterra e exceto por alguns pequenos danos, estava intacto.

Três pessoas foram condenadas à prisão em 2011, indiciadas pelo roubo do instrumento.

“Quando fui informada, não queria acreditar. Passei de um estado de desânimo para um estado de euforia (…). Estou no sétimo céu” , declarou a violinista de 35 anos nesta Terça – Feira (30/07).

Min-Jin contou ainda que o instrumento com o qual tocava desde a sua adolescência faz parte da sua identidade.